Democracia Direta

Democracia Direta

Democracia Direta

Derivado de novos avanços tecnológicos e uma capacidade operativa excedente, a Futuragora lança agora um plataforma dedicada à democracia direta em Portugal.

O que é democracia directa?
Por oposição à democracia representativa a democracia direta é um sistema de governo em que as decisões são tomadas directamente pelos eleitores. Na democracia representativa os eleitores elegem dirigientes ou governantes com poderes executivos e outros com poderes legislativos. Na democracia direta esses poderes são exercidos directamente pelos cidadãos.

Racional?
O perigo de uma democracia é a manipulação do sentido de voto seja por falta de esclarecimento sobre os impactos da decisões em causa ou outros factores só poderá ser verdadeira se for racional. Racional no sentido em que preeenche todo os requisitos cientŕificos, ambientais e sociais para uma decisão plenamente adequada.

Valerá a pena testar a implementação de uma democracia directa?
A primeira proposta desta platataforma é a fundamentação e implentação de democracia directa, em instituições, grupos, organismos estatais e a final ao nível governativo. Serão aprensentadas vantagens e desvantagens dessa aproximação distinta à plena democracia.

Qual a missão desta plataforma?
Testar a impementação de uma democracia directa como alternativa à existente representativa. Independente de qualquer filiação partidaria são debatidos temas sociais gerais, ou mais individuais de forma aberta e pública. Aplicaremos a racionalidade aos processos decisórios mediante a possibilidade de plena infromação sobre os impactos sociais, financeiros ou ambientais de cada decisão.

Democracia Directa Racional

Novidades em breve.

No comments.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: